SUSE has an in-house translations created by contracted translators in past. The work flow did not allow to merge translations between openSUSE and SLE trees up to now. It caused translation divergence. SLE Merge Robot is an output of the merge effort, and “suggests” to use SLE translation. Please review carefully, and keep standard terminology used in your language. Initial import of yast was created from the community translations, but strings actually missing in the community translation were taken from the contracted SUSE Linux Enterprise translations. These translations are mixed in Weblate. If you are interested in the SUSE Linux Enterprise translations import review, go to ftp://ftp.suse.com/pub/people/sbrabec/yast-translations-sle-contributions/

Translation status

Strings463
100.0% Translate
Words8932
100.0%
Approved
Good
Failing checks
Needs editing

Project Information

Project website https://github.com/yast/yast-printer
Translation process
  • Translations can be made directly.
  • Translation suggestions can be made.
  • Any authenticated user can contribute.
  • The translation uses bilingual files.
Repository git@github.com:yast/yast-translations.git
Repository branch master c806c9a333, 4 hours ago
Repository containing Weblate translations https://l10n.opensuse.org/git/yast-base/master/
Filemaskpo/printer/*.po
Translation file po/printer/pt_BR.po
When User Action Detail Object
6 months ago admin Resource update yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago none Resource update yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago none Resource update yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago rodrigomacedo Translation completed yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago rodrigomacedo Committed changes yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago rodrigomacedo New translation yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
<p>
<b><big>URIs de dispositivos para imprimir viessão por meio de uma máquina do servidor de impressão</big> </b> <br>
Diferentemente deEm contraste com uma caixa deo servidor de impressão, uma máquina do servidor de impressão é
significa
um computador real
que oferece um serviço de impressão. <br>
O acesso acontece por meioatravés de vários protocolos de rede diferentes.
Pergunte ao seu administrador de rede qual é a máquina do servidor de impressão
fornecidae em sua rede: específica: <br>
<b>Windows (R) ou Samba (SMB/CIFS) </b> <br>
Para acessar um compartilhamento de impressora SMB, o pacote RPM samba-client deve sestar instalado.
O pacote inclui o backend do CUPSfornece o backs 'smbCUPS' do CUPS, que é um link para
o programa <tt> /usr/bin/smbspool </tt> que realmente envia os dados
para um compartilhamento de impressora SMB. <br>
OUm nome doe servidor, o e um nome doe compartilhamento de impressora e, opcionalmente, oum nome doe grupo de trabalho
sãoé necessários para acessá-lo.
Além disso, um nome de usuário e uma senha podem ser solicitados para permitir onecessários para obter acesso.
Tenha em mente que espaços e caracteres especiais nesses valores
devem ser codificados com sinal de por porcentagem (veja acima). <br>
Por padrão, o CUPS executa backends (neste caso, oaqui smbspool) como o usuário 'lp'.
Ao imprimir em um ambiente do Active Directory (AD) (R),
o usuário 'lp' não é capaz de imprimir,
portanto, o modo
tem permissão para imprimir neste ambiente
de modo que a maneira
tradicional de impressão com oimir via smbspool como usuário 'lp'
não funcionará.ia. <br>
Para imprimir em um ambiente AD, adicionalmente
o pacote
RPM samba-krb-printing também deve sestar instalado.
Neste caso, o link do backends 'smb' do CUPS
é alterado para <tt>/usr/bin/ / usr / bin / get_printing_ticket </ tt>,
que é um agrupador quewrapper para executa or smbspool como o usuário original
que submeteum enviou um determinado trabalho de impressão.
Quando o protocolo Kerberos é usado para autenticação
em um ambiente do AD, oum usuário recebe um ticket parade concessão de tickets (TGT)
através do gerenciador de exibição durante o login na área de trabalho do GNOME ounome ou do KDE.
Quando o smbspool é executado como o usuário original que submeteu
enviou
um
determinado trabalho de impressão, ele pode acessar o TGT desste usuário
e usá-lo para envipassar os dados de impressão para o compartilhamento de impressora SMB,
mesmo em um ambiente AD com autenticação Kerberos.
Neste caso, nem mesmo um nome de usuário fixo ounem uma senha fixa
precisatem que ser especificado para autenticação.
AUma pré-condição é que o get_printing_ticket seja executado no mesmo host
no qualonde o usuário que submeteuenviou um determinado serviçtrabalho de impressão está conectado.
Isso significa que ele deve ser configurado na estação de trabalho
dpara o usuário específico que vai submeter os serviçenviará esses trabalhos de impressão,
e a estação de trabalho do usuário deve enviar seus dados de impressão
diretamente apara o compartilhamento de impressora SMB no ambiente AD.
Em especial, issoparticular, não funciona em uma máquina do servidor CUPS separado,
no qual
a
onde
os usuários que submetem os serviçenviam trabalhos de impressão não estão conectados. <br>
Para o modo tradicional, oum URI completo de dispositivo completo correspondente é: <br>
smb://nome_ de_ usuário: senha@grupo_ de_ trabalho/servidor/impressora <br>
Por exemplo, &#39quot;John Doe&#39quot; com a senha &#39quot;@home!&#39quot; pode usar algo como
o seguinte URI de dispositivo para acessar um compartilhamento 'Fun Printer 1000+': <br>
smb://John% 20Doe:% 40home% 21@MYGROUP/homeserver/Fun%20Printer%Diversão% 20Impressora% 201000% 2B <br>
Para obter <b> mais informações </ b>, consulte dê uma olhada em <tt> man smbspool </ tt> e acesse o site <br>
http://en.opensuse.org/SDB:Printing_via_SMB_(Samba)_Share_or_Windows_Share <br>
'Windows' e 'Active Directory' são marcas comerciais registradas
da Microsoft Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. <br>
<b> Servidor Unix TNIX tradicional (LPR) </b> <br>
O Protocolo LPD (Um Line Printer Daemon (LPD) é executado em um servidor UNIX tradicional
e oferfornece uma ou mais filas LDPD.
O endereço IP e oum nome da fila LDPD são necessários para acessá-lo.
O URI deo dispositivo correspondente é: <br>
lpd://endereço_ip/filaip-address/queue <br>
<b> Servidor CUPS </b> <br>
Normalmente, você não deve configurar uma fila de impressão local para acessar
uma fila remota em um servidor CUPS. Em vez disso, faça a configuração
na caixa de diálogo <b> Imprimir pelvia rede </b>.
Somente siga adiante se vocêe você realmente souber que realmente deve configurar uma fila de impressão local
pPara acessar uma fila remota em um servidor CUPS. proceda aqui. <br>
O IPP é o protocolo nativo dpara o CUPS que é executado noem um servidor.
A porta oficial da IANA para o IPP é 631.
O URI deo dispositivo correspondente é:<br>
ipp://endereço_ip:631/impressoras/filaip-address:631/printer/queue<br>
</p>
a year ago rodrigomacedo New translation yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
<p>
<b> <big> URIs de dispositivos para dispositivos conectados diretamente </big> </b> <br>
Dispositivos que são conectados através da porta paralela ou via USB
são autodetectados automaticamente e o URI apropriado para e o URI do dispositivo apropriado é gerado automaticamente.
Por exemplo:<br>
parallel:/dev/lp0
<br>
usb://ACME/Fun% 20Printer? serial =A1B2C3<br>
hp:/usb /HP_LaserJet?serial=1234<br>
Normalmente somente, apenas os URIs de dispositivo geradaos automaticamente para o dispositivo funcionam.
Quando o dispositivo não for é autodetectado automaticamente, normalmente não existe nenhuma, geralmente não há comunicação
com o dispositivo possível e nenhum dado pode ser enviado a ele.para o dispositivo. <br>
Para acessar uma impressora HP ou um dispositivo multifuncional pelall-in-one através do backend 'hp',
o hplip do pacote RPM hplip deve sestar instalado.
O pacote fornece o HPLIP, software HPLIP parade impressão e digitalização.<br>
Em comparação,
da HP.
Em contraste
dispositivos que estão conectados na porta serial ouvia bluetooth
não são autodetectados automaticamente, então um URI deve
ser especificado manualmente.
Os parâmetros do URI do dispositivo serial devem estar de acordo com
o que a porta serial na impressora requer,
veja o manual da sua impressora serial.
Exemplos de URIs de dispositivos:<br>
serial:/dev/ttyS9?baud=9600+bits=8+parity=none+flow=soft+stop=1<br>
para que o URI do dispositivo seja especificado manualmente.
bluetooth://1A2B3C4D5E6F<br>
Para acessar um dispositivo via bluetooth, o pacote RPM bluez-cups deve sestar instalado.
O pacote fornece o backend do CUPS 'bluetooth' para o CUPS, quque realmente envia os dados
para uma impressora bluetooth.
</p>
a year ago none Resource update yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago none Committed changes yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
a year ago samantamagalhaes Translation changed yast-printer/master - Portuguese (Brazil)
<p>
A <b>conexão</b> determina o modo como os dados são enviados ao dispositivo de impressora.<br>
Se uma conexão errada for selecionada, nenhum dado poderá ser enviado ao dispositivo,
não sendo possível impressão alguma.<br>
Se um dispositivo de impressora estiver acessível por mais de um tipo de conexão,
ele será exibido para cada tipo de conexão.<br>
Em específico, os dispositivos HP são frequentemente acessíveis tanto por conexões 'usb:/...'
quanto por conexões 'hp:/...'.
Esta última conexão é fornecida pelo pacote de drivers HP 'hplip'.
Para impressão simples, ambos os tipos de conexão devem funcionar, mas para qualquer outra coisa
(ex.: status do dispositivo via 'hp-toolbox' ou escaneamento com um dispositivo HP all-in-onemultifuncional),
a conexão 'hp:/...' deve ser usada.
</p>
Browse all translation changes

Customize download

Statistics

Percent Strings Words
Total 463 8932
Translated 100.0% 463 8932
Needs editing 0.0% 0
Failing check 0.0% 0

Last activity

Last change April 24, 2018, 1:14 p.m.
Last author Rodrigo Macedo

Activity in last 30 days

Activity in last year